quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Novo Ano, Nova Jornada!

Escrevi esse texto faz alguns anos, e reencontrei por esses dias...

Que desde o primeiro dia do ano tenhamos coragem de nos jogarmos no abismo que está logo ali em frente, junto ao Louco... 
Que nessa descida nos encontremos com o Mago, e com ele possamos aprender a utilizar nossos potenciais;
Que a Imperatriz nos ensine a ter paciência para esperar que nossos desejos amadureçam; 
Que o Imperador nos mostre o prazer da independência; 
Que, junto com a Sacerdotisa, possamos adentrar nosso mundo interior em busca da paz que sempre achamos estar nos outros... 
E que o Hierofante nos auxilie nessa jornada por um objetivo maior; 
Que os Enamorados nos mostre um caminho que seja o melhor pra nós...
E, caso ocorram conflitos por esse caminho, que o Carro nos conduza de forma tranquila e sábia por eles...
Para que possamos resolve-los com a imparcialidade que a Justiça se dispõem a nos ensinar;
Que a Temperança não nos deixe acomodar, mostrando que muitas vezes é necessário uma mudança de direções...
E que a Força nos traga confiança para tais desafios;
Que o Eremita nos mostre que nem sempre a solidão é uma inimiga, mas uma amiga que nos traz excelentes conselhos;
Que a Roda da Fortuna gire, para que tenhamos sucesso, mas também para que possamos aprender com nossas derrotas;
Que, com o Enforcado, tenhamos coragem de sacrificarmos um pouco de nós para que possamos alcançar nossos objetivos...
Que a Morte seja nossa conselheira, mostrando que esses sacrifícios podem ser dolorosos, mas não insuperáveis;
Que o Diabo traga à tona nossos defeitos, para que não tenhamos mais vergonha deles, pois somos seres humanos e, por isso, passíveis de erros;
Que nossa Torre desabe e que seja reconstruída para uma nova fase mais madura, sem angústias e máscaras...
E que a Estrela traga a esperança de dias melhores;
Que, com a Lua, possamos aprender a sonhar, em meio a nossas incertezas...
E que essas incertezas sejam dissipadas pela luz do Sol;
Que o Julgamento nos traga as recompensas por todos nossos esforços...
Para que, no final de tudo, consigamos alcançar o Mundo.


Desejo a todos um 2015 maravilhoso!!!
Que a busca pelo autoconhecimento seja uma prioridade...
Que os erros se transformem em aprendizagem... E que os acertos nos tragam muita alegria!!!

Até ano que vem, galera!!!

domingo, 14 de dezembro de 2014

Falando sobre o retorno...

O retorno de Quimera só tem me feito bem... Conectar o que eu sou hoje ao que eu era, e unir essas duas 'pessoas' está sendo uma experiência maravilhosa que só tem melhorado, e muito, minha vida!

Já estou até me preparando, organizando e programando para as próximas Luas... Não apenas a Cheia, mas todas! Quero vivencia-las novamente, senti-las influenciando meu corpo e mente!
Quero comemorar os festivais! Preciso comemorar os festivais, pra falar a verdade!!!
Sim, sim, estou voltando de verdade!!!!

Pareço uma criança que ganhou um brinquedo novo... hahahahaha... Mas é porque estou de bem comigo... De bem com meu interior, com meu vedadeiro eu!
(Aquele que poucos conhecem...)

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Justiça

http://roxrio.deviantart.com/art/Justice-Tarot-32135998
E, nesta Lua Cheia, minha carta foi A Justiça...

Uma mulher segurando uma espada na mão direita e uma balança na mão esquerda. Muitos dizem que isso representa o lado masculino (espada) e feminino (balança). Seria uma forma, também, de representar o equilíbrio?

Como falei em outro post, junto com A Justiça veio o Controle, do Tarot Zen de Osho, e hoje comecei a compreender a união dessas duas cartas nesta lunação.

Afastei-me de muita coisa importante para mim, e hoje perdi a conexão, o 'tato'... Tentei controlar tudo do jeito que eu queria que fosse, mas não é bem assim que tem que ser... Preciso retomar meu equilíbrio, porém vou ter que deixar a direção da minha vida na mão Daqueles que sempre acreditei, e que muitas vezes, durante todo esse tempo, tentaram me chamar de volta, e eu, tola, não quis escutar, deixando para depois... Agora vou ter que reconquistá-los, mostrar que quero voltar a ser como antes...

Preciso provar que ainda sou digna Deles, e que Eles podem confiar em mim, assim como eu confio minha vida a Eles...

sábado, 6 de dezembro de 2014

Controle - Osho

Hoje, Lua Cheia, resolvi tirar minhas cartas, voltar a ativa...
E claro que foi produtivo!!!!

Como eu fazia antes, tirei um arcano maior do Tarot Mitológico e uma lâmina de 'conselho' do Tarot Zen de Osho... Nesse momento, vou apenas falar sobre a carta de Osho.

CONTROLE

Foi uma carta que veio na hora certa!
Quero sempre controlar tudo, quero que as coisas saiam sempre como programei, e essa carta veio me mostrar que tudo que é extremamente controlado não tem vida, não tem emoção!
É preciso fazer planos, mas também é preciso deixar que as coisas aconteçam por si só...



"As pessoas não se olham nos olhos, não se seguram as mãos, não procuram sentir a energia uma das outras, não se permitem o extravasamento de emoções - muito amedrontadas, dando apenas um jeito de ir levando as coisas, frias e mortas, dentro de uma camisa-de-força"

Controle - O Tarô Zen de Osho

Item 59 - Yoga - FEITO!

E não é que já na primeira semana consegui eliminar uma das tarefas?

Lá estava eu, na academia, tinha recém terminado meu treino de musculação, quando anunciam nas caixas de som que a aula de Yoga começaria em poucos minutos... Então pensei "por que não?"

A aula foi bem produtiva, apesar de eu não conseguir fazer muitas posições, já que faz séculos que não faço uma aula de Yoga... E também porque não estou na minha melhor forma hahaha
Mas foi bom para me lembrar o quanto é gostoso sentir aquela paz no final da aula, principalmente depois daquele relaxamento que o professor sempre faz quando a aula está acabando... Você sai leve, feliz!!!

Muito bom!!!